Um Exemplo Positivo

Durante uma viagem a Nampula para uma reunião com o AGIR (Programa de Acções para uma Governação Inclusiva e Responsável) e seus parceiros, foi-nos dito que visitaríamos a comunidade de Nacoma, no povoado de Mele, distrito de Meconta, a cerca de 83 km da cidade de Nampula, onde, com o apoio da Associação Nacional de Extensão Rural (AENA), a comunidade formara uma associação composta por 20 membros (13 mulheres e 7 homens) para melhor rentabilizar as suas colheitas. Esta associação ser-nos-ia apresentada como um bom exemplo de um projecto de agricultura, poupança e alfabetização (pois até uma escola a comunidade criara na própria área da machamba).

Image

Depois de quase duas horas de viagem chegamos finalmente ao local, onde fomos recebidos por várias mulheres com lenços e capulanas coloridas, batendo palmas e entoando músicas de boas vindas aos visitantes. A presença dos homens não se fez sentir, apenas três compareceram.

A partir daí, sempre a cantar e ao som de palmas, levaram-nos até à beira de uma estrada de terra onde nos mostraram uma pequena machamba, um exemplo de aprendizagem de boas práticas e melhoramento de colheitas para uma agricultura mais eficiente em solos pouco aráveis. Estas mulheres, com a ajuda de um parceiro do AGIR em Nampula que com elas partilhou o seu conhecimento técnico, melhoraram o solo da área, que não era dos melhores para a agricultura, através de técnicas de melhoramento como o uso de capim seco para conservar a humidade dos solos e assim reter os seus nutrientes. Com o tal parceiro do AGIR, mencionaram ter aprendido também que as queimadas, método muito usado naquela área para preparar os solos, quando feitas sistematicamente acabam por reduzir os nutrientes e debilitar a terra. Demonstraram ainda, através de exemplos rudimentares com água, capim e areia, outros métodos utilizados para aumentar e melhorar as suas colheitas, como se tinham organizado entre elas para rentabilizar os produtos que produzem (mandioca, feijão boer, batata doce, amendoim, etc.) e assim aumentado os seus rendimentos possibilitando uma melhoria da sua vida e da sua família. Também nos mostraram um secador de amendoim feito pela associação, fabricado com estacas simples e capim onde ficava protegido da chuva, insectos e outros animais.

Image

Após a visita ao secador de amendoim o nosso grupo de visitantes informou que gostaria também de ver e saber qual o método de recolha de rendimentos entre todos que faziam parte da associação. Mostraram-nos então uma mala de madeira onde depositavam não só o que  ganhavam, bem como os empréstimos que faziam entre eles e as suas poupanças, cada quantia em seu lugar (em três meias de homem de cores diferentes). Explicaram-nos que a mala tinha duas chaves e que estas nunca se encontravam no mesmo local nem com a mesma pessoa. As chaves eram entregue a duas pessoas diferentes do grupo e quando a mala era aberta todos deveriam estar presentes para juntos contarem o dinheiro, uma medida de segurança para todos.

Impressionou a organização, metodologia e capacidade de um grupo tão pequeno mas tão eficaz em gerir os seus próprios interesses. Um bom exemplo de empoderamento da comunidade, com o qual todos os presentes ficaram admirados. No entanto, para nós foi mais do que isso. Foi uma vez mais a confirmação do poder do povo Moçambicano e da mulher Moçambicana em especial, da  sua capacidade, coragem e perseverança na tentativa de resolver as suas dificuldades e lutar por um futuro melhor. Para nós foi uma verdadeira lição de vida!

Gostaríamos de terminar com algumas perguntas simples mas que julgamos pertinentes: O que acontecerá a estas mulheres da comunidade de Nacoma quando o gigante e polémico ProSavana for implementado? Sabemos que Meconta é uma das áreas abrangidas por ele… Será a morte de mais um bom exemplo em Moçambique? Ou sobreviverá?

Anúncios

One thought on “Um Exemplo Positivo

  1. Anabela Barbeitos Bastos diz:

    Vivi em Meconta, onde fiz a instrução primária, conheço bem essa terra e arredores. Estudei no colégio N.S.das Vitórias, em Nampula. Congratulo-me com estas iniciativas dignas e louváveis e, uma vez mais, o papel da Mulher se manifesta de uma maneira exemplar e admirável, dando uma lição ao Mundo com a sua Força, Coragem e Perseverança! Como Moçambicana que sou, desejo que este exemplo, sobreviva ao polémico Prosavana e que continue a ser uma grande lição de Vida.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: